CNU Ténis Pares: U.Porto de ouro nas três vertentes

 

Jogaram-se na passada semana as vertentes feminina, masculina e mista do Campeonato Nacional Universitário de Ténis Pares, das quais as duplas da U.Porto saíram vencedoras.

 

No feminino, apenas U.Porto e AAUM estavam em prova. Raquel Mateus e Rita Vilaça da cidade invicta garantiram a superioridade durante todo o confronto. 6-0 e 6-1 foram os resultados dos dois sets que garantiram às meninas da cidade invicta o ouro e a renovação do título de ambas. Beatriz Abreu e Nadezhda Belinska ergueram a prata com a camisola da AAUM.

 

No masculino, Fernando Moreira e Diogo Silva (U.Porto 2) iniciaram a sua senda vitoriosa ao ganharem à dupla da AAUBI 3, Harsh Hansraj e Matheus Moura (6-0), e da NOVA 1, Guilherme Rosa e George Corbett (4-6). Esta, por sua vez, estava a disputar o seu primeiro jogo, sendo logo reencaminhada para a ronda dos vencidos.

 

 

Fernando e Diogo encontraram os seus colegas de clube no último jogo antes da grande final. Diogo Calheiros e Bernardo Oliveira tinham alcançado a 3ª ronda de vencedores após não ter adversário na primeira e ganhar por 6-3 à dupla da AAUBI 1, Ricardo Brancal e Miguel Esteves.

 

Na 3ª ronda muito disputada, foi a dupla 2 quem garantiu o primeiro lugar na final, vencendo pro 7-5 Diogo e Bernardo. Estes encontraram a equipa da NOVA 1, que também tinha sido eliminada pela U.Porto 2 e que, entre os vencidos, conquistou um lugar na luta pelo 3º lugar. Este jogo terminou 6-3 a favor dos estudantes-atletas de Lisboa. Guilherme Rosa detinha até então o título de campeão nacional universitário que partilhava com Pedro Estevão.

 

Retomando a final, Marco Prata e Jorge Sousa da AAUM foram os segundos finalistas. Para trás, deixaram as duplas Videira/Rui da aeISEP (6-2) e João Botelho e André Flórido da U.Porto 3 (6-1). O court juntou então as duas equipas do Norte. 6-4 e 10-4 a favor da U.Porto 2 ditou que os ouros seriam de Fernando Moreira e Diogo Silva. 

 

 

Por fim, na componente mista. Seis equipas de quatro clubes estavam distribuídas para iniciar a competição. Nadezhda Belinska e Marco Prata entraram com o pé direito com uma vitória por 6-2 a João Videira e Leonor Rothes da aeISEP, seguindo-se uma derrota (6-3) com a U.Porto 2, comporta por Raquel Mateus e Diogo Calheiros, que estavam a jogar o seu primeiro jogo desta vertente e se apuraram assim para a final.

 

A segunda equipa finalista foi descoberta após Bárbara Choon e Guilherme Rosa da NOVA terem-se juntado à U.Porto 1, com Rita Vilaça e Bernardo Oliveira, na 2ª ronda de vencedores. Para trás, os estudantes-atletas deixaram a equipa 2 da AAUM (Beatriz Abreu e Jorge Sousa), mas não conseguiram ultrapassar Rita e Bernardo (4-6).

 

A final foi então para discutir quem, dentro do mesmo clube, ergueria o ouro e quem ergueria a prata. Os resultados 5-7, 5-7 deram a vitória a Rita e Bernardo, sendo mais uma renovação de título para Rita Vilaça nesta competição.

 

 

Na luta pelo 3º lugar, Bárbara Choon e Guilherme Rosa ambicionavam o bronze para a NOVA, enquanto Beatriz Abreu e Jorge Sousa queriam uma terceira medalha nesta competição. 4-6 deu vantagem à NOVA e um lugar à direita dos campeões.

 

O CNU de Ténis Pares decorreu nos dias 27 e 28 de abril, na Covilhã, com a organização local da Associação Académica da Universidade da Beira Interior.

 

e-max.it: your social media marketing partner
 

Apoios Institucionais

Governo Português
IPDJ

Patrocionador Principal

Jogos Santa Casa

Parceiros

COSMOS
CISION

Membro

FISU
EUSA
COP
CPP
CDP
CNJ
FADU

Avenida Professor Egas Moniz
Estádio Universitário de Lisboa, Pavilhão nº1
1600-190 - Lisboa

e: fadu@fadu.pt
t: (+351) 21 781 81 60
f: (+351) 21 781 81 61

Newsletters

Social

ptenfr

FADU - Todos os Direitos Reservados © 2015
Desenvolvido por Drop Agency

Este website utiliza cookies que permitem melhorar a sua navegação. Ao continuar a navegar, está a concordar com a sua utilização. O que são Cookies?