Universíadas Gwangju: ténis de mesa português de alto nível


“Portugal estará representado por dois atletas de altíssimo nível, medalhados em europeus jovens, atletas com grande experiência internacional, o que nos leva a ter as melhores expectativas em relação ao seu rendimento durante a competição, conscientes do facto do nível competitivo estar muito elevado.”. É assim que o treinador Francisco Santos descreve Jorge Costa e João Geraldo, estudantes-atletas que vão representar Portugal nas Universíadas de Verão em Gwangju, na Coreia do Sul, de 6 a 13 de julho.
Jorge Costa, estudante-atleta da Universidade do Porto (U.Porto), sagrou-se no passado mês de maio campeão nacional universitário da modalidade. É a primeira vez que o estudante de Engenharia e Gestão Industrial representa Portugal no desporto universitário, mas já representou a seleção nacional em provas internacionais.

“Sinto que vai ser uma boa experiência, nunca tive presente num evento com esta dimensão” partilha o atleta. Em relação às expectativas para a competição, Jorge Costa afirma ainda não saber quem são os adversários dos outros países, “mas o nível é bastante alto, são atletas do top 100 mundial. Por isso vamos tentar fazer o melhor e chegar o mais longe possível”.

João Geraldo, também estudante da U.Porto, já representou Portugal em vários momentos, quer nos escalões mais jovens, quer por seniores e, tem conquistado títulos para o país, entre eles o de campeão europeu. Desde os 18 anos que joga no campeonato alemão, sendo atualmente atleta do TSV Bad Konigshofen.

“Sinto que é mais uma prova e vou encará-la como todas as outras, vou dar o meu melhor e tentar obter o melhor resultado possível. Já tive a possibilidade de saber alguns jogadores, nomeadamente da equipa da França e do Japão e todos eles são jogadores profissionais como eu e dois deles estão no top 50, o que significa que vai ser uma prova com nível de um Pro Tour e vai ser interessante jogar num torneio assim", revela o atleta.

Francisco Santos, que vai orientar os dois estudantes, esclarece que os maiores desafios desta participação “serão ao nível do fuso horário, da aclimatização (grande percentagem de humidade), e, pelo facto de a prova se realizar no continente asiático, o nível competitivo estará muito alto”.

A competição de Ténis de Mesa decorre entre os dias 6 e 13 de julho, prevendo-se que os atletas portugueses apenas entrem em ação a 9 de julho, nas provas de singulares, de acordo com o calendário provisório anunciado (a confirmar). Portugal já esteve presente com o Ténis de Mesa em anteriores edições das Universíadas, a última com o estudante-atleta Vitaly Efimov (Universidade da Madeira/Associação Académica da Universidade da Madeira), nas Universíadas de Shenzhen 2011.

A delegação portuguesa em Gwangju integra na totalidade dez modalidades: Andebol (m), Atletismo, Ginástica Artística, Esgrima, Judo, Natação, Remo, Taekwondo, Ténis de Mesa e Tiro com Arco.
e-max.it: your social media marketing partner
 

Apoios Institucionais

Governo Português
IPDJ

Patrocionador Principal

Jogos Santa Casa

Parceiros

COSMOS
CISION

Membro

FISU
EUSA
COP
CPP
CDP
CNJ
FADU

Avenida Professor Egas Moniz
Estádio Universitário de Lisboa, Pavilhão nº1
1600-190 - Lisboa

e: fadu@fadu.pt
t: (+351) 21 781 81 60
f: (+351) 21 781 81 61

Newsletters

Social

ptenfr

FADU - Todos os Direitos Reservados © 2015
Desenvolvido por Drop Agency

Este website utiliza cookies que permitem melhorar a sua navegação. Ao continuar a navegar, está a concordar com a sua utilização. O que são Cookies?