Universíadas Gwangju: Antoine Massart e Diogo Silva competem no judo


Antoine Massart e Diogo Silva juntam-se à missão portuguesa para competir na modalidade de judo nas Universíadas de Verão em Gwangju, na Coreia do Sul. Orientados por Nuno António, antecipam combates com nível elevado, mas esperam obter bons resultados.
Antoine Massart, atleta da Associação de Estudantes do Instituto Superior de Engenharia de Coimbra (AEISEC), manifestou o seu contentamento em ser chamado a representar Portugal no maior evento de desporto universitário.
“Não conheço ainda os adversários, mas, com base nas edições anteriores, acho que vai ser uma prova bastante competitiva. Vou dar o meu melhor”, assegura.

Diogo Silva, estudante da Universidade Nova de Lisboa (NOVA), participou nas Universíadas de Kazan, em 2013, experiência que considera ter sido “fantástica”. “É sempre um enorme orgulho representar o meu país e o desporto universitário numa grande competição. Tenho a certeza de que vai ser uma prova muito dura, mas espero fazer melhor que da última vez. Estou muito feliz por poder voltar a participar numa prova desta dimensão mundial”, partilha.

Os atletas vão ser acompanhados e orientados por Nuno António, que desde logo demonstrou confiança na dupla que vai representar Portugal. “Os atletas selecionados têm bastante experiência internacional e, por isso, considero que apesar de ser reduzido é um grupo com qualidade”.

O treinador antecipou alguns desafios desta prova, destacando “em primeiro lugar a adaptação à diferença horária. Espero que os atletas até ao dia da sua competição tenham conseguido adaptar-se. E em segundo lugar os adversários que vão ter que defrontar na competição”.

Portugal tem larga tradição de participação em competições internacionais universitárias de Judo, sendo mesmo uma das modalidades que ao longo da história mais títulos e medalhas conquistou, catorze no total. Foi com o judo que Portugal conquistou mesmo o seu primeiro pódio em Universíadas, com a medalha de bronze de Fernando Almada em Tóquio 67, que repetiria um ano depois em Lisboa.

Mas foi nos últimos 20 anos, após a fundação da FADU, que o judo viria a conquistar vários títulos e medalhas quer em campeonatos do mundo universitários, quer em Universíadas. Deste período destacamos as medalhas de ouro de Guilherme Bentes no Mundial de Praga 98 e de Pedro Soares nas Universíadas de Palma de Maiorca 99, e a medalha de bronze de André Alves na última edição em Kazan 2013. Mas outros atletas, com história na modalidade, completam também este quadro de ouro do Judo: Nuno Delgado, Andreia Cavalleri, Nuno Carvalho, Michel Almeida e Ana Cachola.

A competição de judo decorre entre os dias 4 e 8 de julho, prevendo-se que os nossos atletas entrem em ação logo a 4 de julho (Diogo Silva), de acordo com o calendário provisório anunciado (a confirmar).

A delegação portuguesa em Gwangju integra na totalidade dez modalidades: Andebol (m), Atletismo, Ginástica Artística, Esgrima, Judo, Natação, Remo, Taekwondo, Ténis de Mesa e Tiro com Arco, num projeto de participação e seleção dos estudantes-atletas, definido com as respetivas federações desportivas.

Toda a informação sobre a participação de Portugal nas Universíadas pode ser acompanhada no site oficial da FADU em www.fadu.pt e no Facebook emwww.facebook.com/fadupt.
e-max.it: your social media marketing partner
 

Apoios Institucionais

Governo Português
IPDJ

Patrocionador Principal

Jogos Santa Casa

Parceiros

COSMOS
CISION

Membro

FISU
EUSA
COP
CPP
CDP
CNJ
FADU

Avenida Professor Egas Moniz
Estádio Universitário de Lisboa, Pavilhão nº1
1600-190 - Lisboa

e: fadu@fadu.pt
t: (+351) 21 781 81 60
f: (+351) 21 781 81 61

Newsletters

Social

ptenfr

FADU - Todos os Direitos Reservados © 2015
Desenvolvido por Drop Agency

Este website utiliza cookies que permitem melhorar a sua navegação. Ao continuar a navegar, está a concordar com a sua utilização. O que são Cookies?