II TA Hóquei em Patins M: U.Lisboa estreia-se no nacional



De 23 a 24 de Março, o pavilhão do Hóquei Clube de Braga foi o palco de mais um torneio de Hóquei em Patins. Este foi também o último torneio da zona de apuramento nacional antes das Fases Finais de Coimbra.

AAUM e Politécnico de Leiria, do grupo A, iniciaram o torneio com um empate por 3 golos.

Também no grupo A e pela primeira vez na competição, a Universidade de Lisboa, entrou a vencer o Politécnico de Leiria por 5-1 e sofreu a derrota dos minhotos por 3-1. Contudo, uma vitória e uma derrota valeram o apuramento para as meias-finais junto com a equipa do Minho.

No Grupo B, a Campeã em título, Universidade do Porto, superou a fase de grupos após vencer o Politécnico do Porto por 4-2 e a Académica de Coimbra por 4-1. A Briosa venceu também o IPP por 5-2 e seguiu para as meias-finais.



Emoções ao rubro na meia-final entre a Universidade do Porto e a Universidade de Lisboa que empataram a 1 golo e decidiram o seu destino nas grandes penalidades. Vantagem de 3-1 deu ao Porto a disputa da final contra a Académica de Coimbra.

Uma final muito renhida deu a vitória à Briosa por 5-4 contra a campeã em título. No 3º e 4º lugar, a goleada da AAUM deu a derrota a Lisboa por 7-2.

Contas feitas, a AAUM, U.Porto e IPPorto, têm lugar marcado nas fases finais com a equipa da casa, AAC. O Campeonato Nacional Universitário masculino terá lugar de 12 a 14 de Abril em Coimbra, junto com a competição feminina.

Lisboa “caloira”

Pela primeira vez na competição, a Universidade de Lisboa ultrapassou as expectativas dos espectadores e também dos próprios jogadores.

André Cordeiro, jogador da equipa de Lisboa fala desta primeira experiência. “Não vínhamos com grandes objectivos traçados, superamos a fase de grupos, empatamos contra a campeã na meia-final, perdemos nas penalidades mas foi fantástico de qualquer maneira”, diz.

A equipa formou-se muito recentemente e apenas com um torneio “valeu a pena”. “Vamos continuar a trabalhar e esperemos que para o ano seja melhor”, afirma.

Na universidade, André Cordeiro estuda no curso de Estatística Aplicada na Faculdade de Ciências. No federado, jogou 12 anos no clube de Alverca e 3 anos no Sporting Clube de Portugal.

São dois mundos diferentes, “no federado é tudo mais competitivo e mais levado a sério, aqui existe um ambiente mais descontraído, mesmo que queiramos todos ganhar, há menos pressão do que no federado”, conta.

e-max.it: your social media marketing partner
 

Apoios Institucionais

Governo Português
IPDJ

Patrocionador Principal

Jogos Santa Casa

Parceiros

COSMOS
CISION

Membro

FISU
EUSA
COP
CPP
CDP
CNJ
FADU

Avenida Professor Egas Moniz
Estádio Universitário de Lisboa, Pavilhão nº1
1600-190 - Lisboa

e: fadu@fadu.pt
t: (+351) 21 781 81 60
f: (+351) 21 781 81 61

Newsletters

Social

ptenfr

FADU - Todos os Direitos Reservados © 2015
Desenvolvido por Drop Agency

Este website utiliza cookies que permitem melhorar a sua navegação. Ao continuar a navegar, está a concordar com a sua utilização. O que são Cookies?