FADU reúne com Secretaria de Estado para definição do Estatuto Estudante-Atleta

 

O presidente da Federação Académica do Desporto Universitário, Daniel Monteiro, esteve na Segunda-Feira reunido com o gabinete do Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, para contribuir para a construção do Estatuto Estudante-Atleta, que o executivo pretende apresentar em breve.

 

O Estatuto Estudante-Atleta é uma reivindicação antiga da FADU e que agora começa a dar passos. No executivo anterior, Emídio Guerreiro, responsável pela tutela, conduziu em conjunto com a FADU um estudo sobre as carreiras duais.

 

Concluído esse estudo, o executivo atual comprometeu-se já por diversas vezes, através do Secretário de Estado da Juventude e Desporto a avançar com a criação deste Estatuto, tal como foi já recomendado por todos os partidos com assento parlamentar.

 

O Estatuto Estudante-Atleta será uma ferramenta essencial para proporcionar melhores condições de compatibilização dos estudos com a prática desportiva e de incentivar cada vez mais jovens a ter atividade desportiva no âmbito do Ensino Superior.

 

Daniel Monteiro, presidente da FADU, mostra-se satisfeito por “existirem avanços concretos para a concretização de um Estatuto de Estudante-Atleta de abrangência universal a todas as Instituições de Ensino Superior”, apontando como pontos prioritários a “relevação de faltas, o acesso a épocas especiais de exames, o adiamento da entrega e apresentação de trabalhos, assim como da realização de momentos de avaliação que coincidam com competições desportivas, admitir a escolha de turmas e horários mais adequados à conciliação com a atividade desportiva de alto rendimento e incentivar a que as Instituições de Ensino Superior criem a figura do tutor/professor acompanhante, para atletas de alto rendimento”.

 

O presidente da FADU pretende que o Estatuto Estudante-Atleta permita uma democratização na criação de condições da prática desportiva em conjunto com a carreira académica, defendendo que possam ser elegíveis para o Estatuto os estudantes-atletas que apresentem uma percentagem mínima de participação em treinos e competições sob a égide da FADU e, por outro, nas modalidades onde o desporto universitário não dispõe de atividade competitiva regular, possibilitar que jovens com prática desportiva dita federada possam aceder ao Estatuto, desde que representem a sua Instituição de Ensino Superior/Associação Académica ou de Estudantes no Campeonato Nacional Universitário da respetiva modalidade.

 

Em discussão esteve ainda a proposta de tornar igualmente elegíveis atletas que compitam em ligas profissionais ou em primeiras divisões das respetivas modalidades, como incentivo a que mais atletas portugueses com elevado nível competitivo, fora do regime legal do alto rendimento e das seleções nacionais (os quais já têm estatuto próprio), possam olhar para o Ensino Superior como uma oportunidade de se valorizarem.

 

A FADU aguarda agora que a Secretaria de Estado da Juventude e Desporto compile os contributos recolhidos e possa apresentar em breve a proposta legislativa de criação deste Estatuto Estudante-Atleta.

e-max.it: your social media marketing partner
 

Apoios Institucionais

Governo Português
IPDJ

Patrocionador Principal

Jogos Santa Casa

Parceiros

COSMOS
CISION

Membro

FISU
EUSA
COP
CPP
CDP
CNJ
FADU

Avenida Professor Egas Moniz
Estádio Universitário de Lisboa, Pavilhão nº1
1600-190 - Lisboa

e: fadu@fadu.pt
t: (+351) 21 781 81 60
f: (+351) 21 781 81 61

Newsletters

Social

ptenfr

FADU - Todos os Direitos Reservados © 2015
Desenvolvido por Drop Agency

Este website utiliza cookies que permitem melhorar a sua navegação. Ao continuar a navegar, está a concordar com a sua utilização. O que são Cookies?