• Início
  • Internacional
  • Eusa
  • EUG
  • EUG 2018
  • AAC candidata-se a receber Jogos Europeus Universitários 2018

AAC candidata-se a receber Jogos Europeus Universitários 2018



Dia 11 de setembro, foi o dia de apresentação oficial à comunicação social da Candidatura de Coimbra à organização dos Jogos Europeus Universitários de 2018. Após a aprovação da direção da FADU a candidatura nacional à 4ª edição dos EUSA GAMES já está em marcha, através da cidade de Coimbra, num projeto novamente liderado pela Associação Académica de Coimbra, em conjunto com a Universidade de Coimbra e com a Câmara Municipal de Coimbra.

Esta candidatura, apresentada anteriormente como objetivo para 2016, e na qual foi vencedora a candidatura da Croácia com as cidades de Zagreb e Rijeka, recebeu rasgados elogios por parte dos diversos agentes internacionais. Foi uma candidatura aglutinadora em termos nacionais, ao congregar não só o apoio das diversas estruturas desportivas, das estruturas estudantis (através do ENDA), como de várias Universidades, do Governo incluindo o Primeiro-Ministro e do Presidente da República.

«Se não foi à primeira, vamos conseguir à segunda», afirmou o reitor da Universidade de Coimbra, João Gabriel Silva, considerando que «a comissão executiva da EUSA [Associação Europeia do Desporto Universitário] ficou com um peso na consciência», fazendo alusão à entrega da organização dos Jogos Europeus Universitários 2016 à Croácia.

O reitor da Universidade de Coimbra afirmou, em conferência de imprensa na Sala do Senado da Universidade de Coimbra, em conjunto com as restantes entidades envolvidas, que a candidatura terá «mais condições para 2018», avançando que será «semelhante» à candidatura apresentada para 2016: «apenas haverá ajustes de detalhes».

Ricardo Morgado, presidente da Associação Académica de Coimbra (AAC), relembrou o peso da UC/AAC ter recebido por três anos consecutivos o prémio de Melhor Universidade da Europa em Desporto Universitário, dizendo que «está reunido um compromisso sério» em torno da candidatura para 2018.

«Agora há mais uma força para esta candidatura, que é a classificação de Coimbra como Património Mundial da Humanidade», frisou o secretário de Estado do Desporto e Juventude, Emídio Guerreiro, que afirmou «haver ambição de conseguir ter os Jogos Europeus Universitários de 2018 em Coimbra», enaltecendo a importância da «riqueza que o evento pode gerar».

«Sentimos que, na altura, foi por um triz», afirmou João Barbosa de Melo, presidente da Câmara Municipal de Coimbra, referindo-se à perda da candidatura para os croatas. O Município é mais uma das entidades que subscrevem a carta de intenção de candidatura de Coimbra para 2018, que será entregue até 1 de novembro, juntamente com a pré-candidatura.

O reitor da Universidade de Coimbra afirmou que «agora não há a desculpa geopolítica», evocando a justificação dada pela comissão executiva em junho deste ano para que os jogos fossem organizados por Zagreb e Rijeka em 2016, por as duas edições anteriores serem realizadas na zona ocidental do continente.

João Gabriel Silva frisou ainda a importância de receber os EUSA GAMES para se «recuperar o Estádio Universitário de Coimbra», apesar de afirmar que «mesmo sem os jogos, o estádio será remodelado».
e-max.it: your social media marketing partner
 

Apoios Institucionais

Governo Português
IPDJ

Membro

FISU
EUSA
COP
CPP
CDP
CNJ

Parceiros

COSMOS
FADU

Avenida Professor Egas Moniz
Estádio Universitário de Lisboa, Pavilhão nº1
1600-190 - Lisboa

e: fadu@fadu.pt
t: (+351) 21 781 81 60
f: (+351) 21 781 81 61

Newsletters

Social

ptenfr

FADU - Todos os Direitos Reservados © 2015
Desenvolvido por Drop Agency

Este website utiliza cookies que permitem melhorar a sua navegação. Ao continuar a navegar, está a concordar com a sua utilização. O que são Cookies?